Profissão de salva-vidas. Requisitos e mercado de trabalho

Perguntas e respostas sobre a profissão de salva-vidas. Como é o mercado de trabalho e como se tornar um salva-vidas? Quais são os requisitos básicos para exercer a profissão?

» Página Inicial


O que é um salva-vidas?

É o profissional treinado para guardar pela vida de banhistas em praias, rios ou piscinas. Por isso é chamado às vezes de guarda-vidas. É mais comum encontrar salva-vidas em praias bastante frequentadas, devido ao número de pessoas que podem se afogar em situações assim. Os salva-vidas também são responsáveis por alertar os banhistas sobre os perigos que o mar oferece, como tubarões e águas-vivas.

Como se tornar um salva-vidas?

O interessado na carreira precisa ter mais de dezoito e menos de trinta e cinco anos, possuir o ensino fundamental completo e, em alguns estados, o ensino médio. Como a profissão exige muito preparo físico, o salva-vidas necessita ter uma plena saúde física e mental. No treinamento profissional ele trabalhará a resistência através de musculação e aeróbica. É preciso ser um exímio nadador e conhecer com profundidade as características do mar. São feitas simulações de resgate para o salva-vidas adquirir experiência em situações de risco. Para exercer a profissão é preciso estar em dia com as obrigações eleitorais e não ter nenhuma condenação criminal.

Como é o mercado de trabalho?

O mercado é amplo e dificilmente um profissional qualificado ficará fora dele. Nos últimos anos aumentou a procura de salva-vidas na área de turismo, para atuarem em cruzeiros. Frequentemente, empresas terceirizam trabalhadores pra atuarem no exterior.

Quais são os requisitos básicos para exercer a profissão?

Força muscular, grande capacidade pulmonar, habilidade com esportes, velocidade, paciência, determinação, disciplina, responsabilidade e força de vontade para ultrapassar barreiras.

Quais as funções e conhecimentos ligados à área?

Entre os conhecimentos necessários para exercer bem sua função estão técnicas de massagem cardíaca e de natação correta. O salva-vidas precisa ter conhecimento em oceanografia, uma área essencial para não cometer erros. Precisa se comunicar bem, para alertar e informar sobre todos os riscos do mar. O profissional precisa usar de sinalização para aumentar a segurança nos locais de trabalho. A mais comum é feita com bandeiras de três cores. A bandeira verde mostra que é um local seguro para o banho, a amarela indica que o banhista deve ter atenção, e a vermelha sinaliza que é uma área de risco.


 

Veja também



© 2018   |   Guia Trabalho: Profissão, formação e mercado de trabalho   |   Política de Privacidade