Profissão de enfermeiro. Curso, salário em enfermagem e área de atuação

Perguntas e respostas sobre a profissão de enfermeiro. Quais são as características fundamentais a esse profissional? Qual é a formação necessária e áreas de atuação.

» Página Inicial


O que é um enfermeiro?

O enfermeiro é o profissional que atua diretamente no bem-estar e na saúde de seus pacientes, seja em clínicas, hospitais ou em outros espaços pelos quais indivíduos em situação de vulnerabilidade física e/ou psicológica precisem de acompanhamento.

Ele é quem se responsabilidade por oferecer toda essa assistência, não só ao indivíduo vulnerável como também para seus familiares e demais acompanhantes. Sua tarefa também inclui seguir prescrições médicas e garantir a certificação de que o seu tratamento está sendo seguido da maneira correta e necessária.

O enfermeiro é um profissional extremamente importante em uma sociedade. Entre as diversas funções que pode exercer um enfermeiro estão:

Auxiliar pacientes em tratamentos contínuos, pacientes passados por cirurgia, auxilia ao médico em hospitais aplicando medicamentos receitados, orienta os pacientes e as pessoas da comunidade sobre a importância de prevenções de doenças epidêmicas, etc.

Quais são as características fundamentais a esse profissional?

profissão de enfermeiro

O enfermeiro, em primeiro plano, precisa gostar de ajudar o próximo. É exatamente por esse aspecto tão humano que os enfermeiros são profissionais indispensáveis no meio médico, e especificadamente, no tratamento de enfermidades, uma vez que o acompanham desde o início.

A pessoa que queira se tornar um enfermeiro precisa principalmente ser uma pessoa forte para aguentar muitas cenas que podem chocar outras pessoas como, pessoas acidentadas, machucadas, sofrendo e muitas vezes falecimentos. Ela não pode envolver-se emocionalmente com seus pacientes porém, deve os tratar com muita humanidade, paciência e carinho.

O enfermeiro desempenha que tipo de trabalho?

O trabalho desempenhado pelo enfermeiro é técnico, motivo pelo qual, em alguns casos, o ensino superior na área não é obrigatório. Mas, além do trabalho técnico, certamente outra vertente do mesmo é o trabalho humanístico. O profissional desta área precisa oferecer seu ouvido e palavras de conforto constantes aos seus pacientes.

Qual é a formação necessária?

Como já dito anteriormente, a formação superior não é a única opção para quem quer seguir essa carreira. Além da realização de um curso de enfermagem, o indivíduo interessado na área também pode optar por um curso técnico com duração de dois a dois anos e meio.

O curso superior, por sua vez, tem duração de quatro anos e pode ser mais viável para um salário mais alto e jornadas de trabalho mais baixas, e por isso, deve ser considerado até mesmo pelos indivíduos que já tem formação técnica.

Algumas pessoas primeiro fazem um curso de auxiliar de enfermagem que dura em média um ano e meio, após esse período elas podem arrumar um serviço como auxiliar em enfermagem para ajudar decidir se realmente quer trabalhar como enfermeiro durante a vida. Se sua conclusão for que realmente gosta e quer ser um enfermeiro então  pode-se fazer o curso técnico em enfermagem ou a faculdade de enfermagem.

Quais são as áreas de atuação?

O enfermeiro pode atuar em diferenciadas áreas dentro de clínicas, hospitais e outros espaços. Ele pode atuar como um integrante oficial da equipe médica de um grande hospital ou até mesmo atuar de forma interna, em uma empresa privada com área própria de saúde, por exemplo.

Além disso, ele também atua no acompanhamento constante de pacientes que estejam em fase de tratamento domiciliar – o famoso homecare - e ainda pode garantir a sua atuação em grandes indústrias farmacêuticas.

De acordo com o site Salariometro da FIPE, no Brasil houve contratações deste profissional para as seguintes áreas:

Para os enfermeiros existem uma oferta de trabalho muito ampla. Além dos hospitais, pronto socorros, os enfermeiros podem trabalhar em casas de família auxiliando e cuidado de idosos, deficientes, crianças pessoas em fase de tratamento e recuperação que necessitam de um acompanhamento especializado para controlar a ingestão de medicações, trabalhar na enfermagem de escolas e diversos outros lugares.

Uma das áreas que mais contrata profissionais qualificados é a área da enfermagem. No Brasil a cerca de 0,9 enfermeiros para cada 1.000 habitantes. é um número muito pequeno. Mas a cada ano a profissão de enfermeiro vem ganhado espaço e mais profissionais.

Salário

O salário de um profissional de enfermagem pode variar bastante de acordo com a área de atuação (ver lista acima), experiência do profissional, região do país onde ele atua, bem como outras variáveis, como atuação no setor público ou privado, por exemplo.

É possível fazer uma pesquisa no site https://www.salarios.org.br/#/salariometro que mostra os valores pagos nos últimos meses em cada região do país e ainda filtrar por outros parâmetros, como pelo sexo, idade, entre outros.


 

Veja também



© 2018   |   Guia Trabalho: Profissão, formação e mercado de trabalho   |   Política de Privacidade