Profissão de taxista. Qualificação, salário e Uber

Perguntas e respostas sobre a profissão de taxistas. Qual a importância deste profissional, qualificações necessárias para o exercício da profissão, salário e outras informações.

» Página Inicial


A profissão de taxista é uma das mais importantes do mundo. Táxis existem em todo o planeta e desempenham uma importante função, que é a de transportar as pessoas com mais eficiência do que o transporte público, de forma mais rápida e prática, pegando a pessoa onde ela deseja e deixando-a na porta de seu destino. O preço pago é maior do que as tarifas do transporte público, mas a praticidade compensa o gasto.

Qual é a qualificação necessária?

Envolve vários procedimentos e licenças. Cada país e cada estado possui sua própria legislação em relação aos taxistas. No Brasil, em geral, para ser taxista a pessoa precisa ter carteira de habilitação B (que é a de automóveis de passeio), realizar um curso profissionalizante, tirar todas as licenças necessárias e participar de licitações (em algumas cidades e para casos específicos). As cidades realizam licitações para credenciar e permitir que os taxistas exerçam sua função.

Qual é o salário médio?

Táxi

Ele ganha, em média, R$2.500,00 por mês. No entanto, este valor pode variar muito de caso a caso. Há taxistas que possuem seu próprio táxi; outros utilizam o táxi de uma empresa, outros ainda utilizam carros de terceiros para trabalhar. Portanto, em cada um destes casos o valor dos rendimentos mensais pode ser diferente, podendo chegar a mais de R$5.000,00. Além da modalidade de trabalho, a carga horária e a eficiência nas corridas fazem com que o salário de um taxista possa variar.

É verdade que taxista compram carros por preços mais baixo?

Sim. Isto se aplica a automóveis novos apenas. Segundo conversa com um taxista recentemente, ele comentou que comprou um carro que valia em torno de 80.000 mil por 52.000 ou valor próximo a esse, não me lembro com exatidão.

O que acontece é que eles tem desconto de impostos e isto reduz muito o valor do automóvel. O mesmo acontece com carros novos vendidos para empresas que também gozam de descontos, talvez não com a mesma proporção, mas existe.

Quais são os novos desafios para os taxistas?

Com o advento de aplicativos como o Uber, em que as pessoas podem solicitar um transporte pelo celular e pagar menos pela corrida do que pagariam por um táxi, os taxistas precisam estar sempre se reciclando e oferecendo serviço de melhor qualidade. Por mais que o Uber seja um aplicativo polêmico (e até seja proibido em vários países e algumas cidades brasileiras), oferece um serviço melhor, mais prático e mais barato do que os taxistas e isso escancara uma deficiência num setor tão importante como é o de transporte no Brasil.

Uber ou táxi?

Atualmente parece que as pessoas tem preferido o Uber por conta do baixo custo e da comodidade de chamar um carro. Contudo em muitos locais não há Uber, quer seja pelo fato de que o aplicativo ainda não chegou lá ou por problemas de regulamentação que tem acontecido em vários locais do mundo, inclusive no Brasil.

Os táxis precisarão se reinventar para fazer frente à concorrência do Uber. Não é um caminho simples, mas acredito que exista mercado para todos, desde que haja compatibilidade entre preço e qualidade do serviço prestado.


 

Veja também



© 2018   |   Guia Trabalho: Profissão, formação e mercado de trabalho   |   Política de Privacidade