FGTS retido e saque. Como sacar e usar para construção

Veja o que são as contas inativas do FGTS e em quais situações ele pode ser sacado, como é o caso de compra de imóvel próprio financiado pela Caixa, rescisão de contrato de trabalho sem justa causa e outras situações de grande necessidade.

» Página Inicial


FGTS Retido é o fundo de garantia acumulado de trabalhos anteriores, o qual o trabalhador já tenha o direito de saque, mas ainda não o tenha feito. O saque do FGTS, basicamente só pode ser feito se o trabalhador fora demitido sem justa causa ou se estiver há mais de três anos com FGTS inativo, ou seja, sem assinar carteira de trabalho. Conheça abaixo como sacar o fundo de garantia inativo e usá-lo para a construção.

Para que o FGTS pode ser usado?

O propósito do fundo de garantia, como o o próprio nome diz é ser usado como uma reserva ou garantia ao trabalhador em caso de demissão, em situações de necessidade ou finalmente na sua aposentadoria. Desta forma, quando se tem a necessidade de sacar o dinheiro deste fundo, faz-se necessário observar as situações onde isso pode ser feito.

Ele pode ser usado para rescisão financeira ou para a construção, seja na compra ou construção de um imóvel. Como rescisão financeira, ele pode ser usado em caso de demissão, inatividade ou início de aposentadoria. Já na construção, existem algumas regras que regulamentam a retirada do FGTS.

FGTS retido

O que são contas ativas e contas inativas?

Ao consultar o extrato de seu FGTS, você deve ter percebido que há saldo para contas ativas e contas inativas. A conta ativa é aquela relacionada ao seu emprego atual, onde mensalmente o empregador deposita o valor correspondente. Por essa razão, se estiver desempregado, não haverá saldo de contas ativas. Já as contas inativas são as contas relacionadas aos empregos anteriores, que mostram todo o valor do fundo de garantia acumulado durante o tempo de trabalho.

Para a compra ou construção de imóveis, só é possível sacar o FGTS correspondente às contas inativas.

Quando o FGTS poderá ser usado na construção?

Para a construção, o fundo de garantia pode ser usado principalmente para a aquisição ou construção do primeiro imóvel próprio, independente de estar ou não empregado formalmente. Porém, para que o trabalhador tenha esse direito, ele precisará ter um mínimo de 3 anos de pagamentos FGTS (ou 3 anos de carteira assinada) seja para a aquisição de um empréstimo para a quitação imobiliária, seja para usá-lo em um financiamento imobiliário.

Além do primeiro imóvel, o FGTS também pode ser utilizado para a aquisição de outros imóveis, seguindo regras previstas pela Caixa Econômica Federal, que podem ser consultadas no site oficial da instituição: www.caixa.gov.br

Não é possível usá-lo para compra de terreno, por exemplo, mesmo que seja para a construção. Também não é possível usá-lo para fins de reforma de casa, como é o desejo de muita gente. Na verdade existe apenas algumas linhas de crédito que permite o seu uso.

Como posso sacar o fundo de garantia?

Se o cidadão se enquadra em algum dos fatores acima, poderá sacar o FGTS em 2017 obedecendo um calendário determinado pela Caixa Econômica. Existem também outras situações especiais em que o saque é possível, que estão descritas no próprio site da Caixa.

É importante lembrar que o saque pode ser feito apenas de contas inativas. Confira abaixo o calendário de saque do FGTS em 2017.

Calendário FGTS

Abertura do Calendário:Trabalhadores Nascidos:
10 de MarçoJaneiro e Fevereiro
10 de AbrilMarço, Abril e Maio
12 de MaioJunho, Julho e Agosto
16 de JunhoSetembro, Outubro e Novembro
14 de JulhoDezembro


 

Veja também



© 2018   |   Guia Trabalho: Profissão, formação e mercado de trabalho   |   Política de Privacidade